Psicólogo e Psiquiatra: o Papel de Ambos Para a Saúde Mental

 

Psicólogo e Psiquiatra: o Papel de Ambos Para a Saúde Mental

O que é Psiquiatria:

Psiquiatria é Psiquiatria é o campo da medicina que cuida dos transtornos mentais e problemas emocionais das pessoas. A área de abrangência da psiquiatria é bastante ampla e inclui desde o tratamento das situações mais comuns – ansiedades, depressões, situações de crise existencial, somatizações, transtornos alimentares; até os quadros mais graves – como as esquizofrenias, transtorno afetivo bipolar e dependência de álcool e drogas.

O psiquiatra faz sua formação em medicina por 6 anos e depois se especializa através da residência médica por mais 03 anos. É um profissional que está apto a diagnosticar e tratar o sofrimento psíquico a partir de recursos biológicos, por exemplo, a partir do uso criterioso de medicamentos e através de recursos de elaboração das vivências pessoais, pela psicoterapia.


Fonte: https://psiquiatriabh.com.br/faq-items/o-que-e-psiquiatria/

O que faz um Psicólogo?

Nas últimas décadas, o papel dos profissionais de psicologia (Psicoterapeutas, Psicólogos e Psicólogas) tem se expandido, agregando novas formas de abordagens dos problemas sociais que afetam as pessoas.

Ou seja, a Psicologia se molda àquilo que uma sociedade precisa, em determinados contextos.

Isto significa que o psicólogo hoje tem uma função mais ativa na sociedade. 


O Psicólogo é um profissional que oferece ajuda emocional, afetiva e racional; que ajuda as pessoas a entenderem seus medos, suas raivas, seu stress cotidiano; que ensina a expressar sentimentos como amor, raiva, indignação; que ampara na hora da dor; que motiva; que mostra ao outro suas potencialidades, convertendo defeitos em qualidades, medo em coragem, tristeza em alegria, raiva em amor.



Nossa profissão existe para cuidar do SEU BEM BEM-STAR afetivo, emocional.


O que é Psicologia Clínica?

A Psicologia Clínica é o trabalho do Psicólogo que atende em consultório e pode oferecer: Psicoterapia, Avaliações Psicológicas, Orientações vocacionais, testes psicológicos, etc.

É procurada por quem precisa de Psicoterapia, ou por pessoas que precisam fazer avaliações psicológicas para fins de trabalho, escolares ou de Saúde Mental

O que é Psicoterapia?

A psicoterapia (do grego psykhē - mente, e therapeuein)Psicoterapia, é o tratamento Psicológico unicamente pela fala. Neste atendimento, é possível identificar as distorções do comportamento humano, identificar problemas psicológicos e restaurar a saúde mental. É a forma mais procurada pelas pessoas que querem "desabafar" ou tratar causas de depressão, ansiedade, dificuldade de relacionamento.

A Psicoterapia pode ter várias abordagens. As mais conhecidas são a Psicanálise, a Terapia Cognitivo comportamental e a Humanista.

A Psicoterapia é focada na

  • identificação modificação de Pensamentos disfuncionais
  • identificação e modificações de crenças - sobre si mesmo, o mundo, e o futuro;
  • identificação e modificação de comportamentos que lhe trazem prejuízos.
  • Como material de apoio utilizo a música, os filmes, leituras, desenhos, pinturas, etc..

O Psicoterapeuta é o profissional que atua na área da Psicoterapia, e deve ter formação específica para este fim.

Terapia não é apenas para quem está com algum ou sofrendo com ansiedade, depressão ou dificuldade de relacionamento. É também querem se conhecer melhor, ou demonstrar sentimentos, e também lidar com pessoas difíceis, ou se preocupam com pessoas muito queridas que estão sofrendo.


O que é Psicanálise?

A Psicanálise é a "cura pela fala" abordagem criada por Sigmund Freud, no final do século XIX, e busca acessar conteúdos inconscientes por meio de algumas técnicas exclusivas.

O Psicanalista é o profissional especializado em Psicanálise, com, no mínimo 04 anos de formação.

O que é Terapia de Casal?


terapia de casal é uma forma de terapia ajudaria o casal a encontrar o bem estar na vida a dois. Além disso, recomendamos a todos os que têm dificuldades em sua vida afetiva que procurem ajuda.

  • Auxiliar o casal a compreender sua dinâmica de funcionamento, os pontos de embaraços afetivos (relações confluentes); desenvolver em cada um a compreensão acerca de si mesmo e do outro, dentro e fora da relação.
  • Ampliar a percepção sobre as fronteiras do comportamento individual e do casal e das suas respectivas famílias de origem e relacionamentos anteriores e amigos; É possível ter uma convivência harmoniosa com todos, sem perder a noção de casal.
  • Facilitar a comunicação; Orientar sobre como discutir determinados assuntos, mostrando que a diferença entre pontos de vista, na maioria das vezes é algo bem pequeno diante do sentimento que os une;
  • Criar uma identidade própria para o casal;
  • Identificar e corrigir comportamentos abusivos, agressivos, violentos.

Comentários

Acolhimento Humanizado

Agende a 1a sessão com a Psicóloga SP

Bem vindo(a). 


Se chegou até aqui, certamente busca o começo do processo de reforma interior, rumo à evolução emocional que permitirá levar a vida de forma mais leve e saudável

       





Postagens recentes