Pular para o conteúdo principal

Pensamentos disfuncionais - Terapia Cognitivo Comportamental

Pensamentos disfuncionais - Terapia Cognitivo Comportamental



Os principais Pensamentos disfuncionais são:

  1. Catastrofização:
  2. Pensamento tudo-ou-nada;
  3. Adivinhação;
  4. Leitura de Pensamentos;
  5. Raciocínio Emocional:
  6. Generalização:
  7. Rotulacao:
  8. Inflexibilidade;
  9. Desqualificação do Positivo;
  10. Baixa Tolerância à Frustração;
  11. Personalização.

Os pensamentos disfuncionais podem levar a emoções negativas, como tristeza, raiva, ansiedade e desesperança. 

Eles também podem levar a comportamentos problemáticos, como evitar situações desafiadoras, procrastinar ou usar substâncias para lidar com emoções negativas.


 Pensamentos disfuncionais na Terapia Cognitivo Comportamental

A Terapia Cognitivo Comportamental (TCC) é uma abordagem da Psicologia Comportamental, que ajuda a identificar e tratar: Pensamentos, crenças e comportamentos disfuncionais, que todos nos temos.

Esta abordagem oferece diversos tratamentos comum para ajudar as pessoas a lidar com pensamentos disfuncionais. 

Quando estes pensamentos disfuncionais são muito frequentes, intrusivos e obsessivos, pode ser sintoma de Transtorno de Ansiedade Generalizada (TAG).

Nem sempre conseguimos identificar nossas distorções cognitivas (pensamentos disfuncionais e/ou distorcidos).

Tais pensamentos distorcidos impedem que você faça uma experiencia realista e, em muitos casos, podem levar o individuo a perder contato com a realidade, especialmente quando tornou-se um hábito falar cultivar estes pensamentos distorcidos e não questioná-los.


E deste modo, as pessoas tomam decisões precipitadas e

Desviam do caminho adequado ou induzem à distorção dos fatos. No entanto, você tem a capacidade de parar, olhar para trás, e reavaliar a maneira como você tem pensado, e achar seu ponto de equilíbrio. Meses ou anos após o evento, provavelmente você recordou uma dolorosa ou embaraçosa experiência e ficou preso à ideia do quão diferente você se sentiu sobre isso naquela época. Talvez você até consiga rir sobre isso agora. E por quevocê não riu no passado? Por causa da maneira como você estava pensandonaquela época. (Wilson & Branch, p. 19)

Os pensamentos disfuncionais são padrões de pensamento que podem levar a emoções negativas e comportamentos problemáticos. 

Eles são comuns em transtornos mentais, como depressão, ansiedade e transtornos alimentares, mas também podem ser encontrados em pessoas sem transtornos mentais.

Os pensamentos disfuncionais geralmente são distorções cognitivas, o que significa que eles não refletem a realidade objetiva. 

Alguns exemplos comuns de pensamentos disfuncionais incluem:

1. Catastrofização:

"Catastrofização é fazer um pequeno aspecto negativo assumir proporções bem maiores e imaginar todos os tipos de resultados desastrosos que podem advir deste episódio. Considere os seguintes exemplos de catastrofização. 

Você está esperando sua filha adolescente retornar para casa depois deuma ida ao cinema com amigos. O relógio marca 22h e você não ouve o tilintar da chave dela na porta. 

O relógio marca 22h05min, você começa a imaginar que ela aceitou a carona de um amigo que dirige perigosamente. 

Às 22h10min, você está convencida de que sua filha sofreu um acidente de carro e que está sendo atendida por paramédicos no mesmo local doacidente. 

Às 22h15min, você já está chorando sobre a sepultura dela.” (Wilson & Blanchp.20)


2.  Pensamento tudo - ou - nada.


O tipo de pensamento tudo ou nada ou branco ou preto é um pensamento radical que pode ocasionar emoções e comportamentos extremos: pensar queas pessoas ou te amam ou te odeiam pensar que alguma coisa ou é perfeita oudesastrosa, pensar que você é culpado ou inocente. [...]“Imagine que você está comendo alimentos saudáveis para conseguir perder peso, e se depara com a tentação de comer um (01) doce. 


O pensamento de tudo ou nada fará com que você pense que seu planoinicial está arruinado e você acaba resolvendo comer os outros 11 doces que vieram na caixa.” (Wilson & Blanch, p. 22)



3. Adivinhação.

Ás vezes, nossos palpites sobre os eventos estão corretos. Mas, em muitos casos, não.


Em várias ocasiões, as  pessoas  fazem previsões sobre o que poderá acontecer no futuro, com base em palpites simples, e se apegam a isto, sem considerar outras 99 posibilidades.


4. Leitura de pensamentos


De acordo com Wilson & Branch, a leitura de pensamento é uma distorção caracterizada pela tendência de imaginar o que as outras pessoas estão pensando, simplesmente baseados em supostas expressões faciais.


"Você está conversando com alguém quando ele olha por cima do seu ombro, desfaz o contato visual, e boceja. Você imediatamente conclui que a outra pessoa está achando a conversa enfadonha e que elepreferia estar falando com outra pessoa que não você." (p. 26).


5 . Raciocínio Emocional


Tendência em acreditar que sentimentos são fatos concretos.
Não são.


Na maioria das vezes, sentimentos são apenas sentimentos, e nada mais, sejam eles bons ou ruins e não significam muita coisa. Por exemplo:


Imaginar que alguém tem uma "energia ruim" porque não fala bom dia, ou porque você teve um sentimento ruim na presença de alguém, é uma distorção grave, e além disso, pode ser preconceituosa, especialmente quando as pessoas se deixam levar por ideias  preconcebidas sobre as pessoas.


O contrário também se aplica, pois nem sempre os sentimentos bons, na presença de alguém indicam êxito na relação. 


Um exemplo claro sobre isso (que muitas pessoas já vivenciaram), é quando você faz uma entrevista de emprego, vai muito bem, sai com um sentimento de otimismo, e no dia seguinte recebe uma mensagem "agradecendo sua participação, mas seu perfil não se encaixa na vaga".


Ou seja, sentimentos definitivamente não refletem fatos.


6. Generalização

Segundo Wilson & Blanch:

Generalização é quando, a partir de um ou mais episódios, você conclui queo resultado destes episódios pode ser aplicado aos próximos. Quando você percebe estar pensando “sempre”, “nunca”, “as pessoas são..., ou “o mundo é...”,você está generalizando. (p. 28)

7. Rotulação

"É o processo de rotular pessoas e episódios, acontecem em qualquerlugar. Por exemplo, pessoas que têm baixa autoestima rotulam a si mesmas como “inúteis”, “inferiores” ou “inadequadas”. Se você rotula as outras pessoas como “ruins” ou “inúteis”, é provável que você acabe ficando irritado com elas. Ou talvez você rotule o mundo como “inseguro” ou “totalmente injusto”? 

O erro aqui é que você está rotulando coisas de forma generalizada e que são complexas demais para terem um rótulo generalizado. 

Olhe os exemplos de rótulos: Você lê um alarmante artigo no jornal falando sobre o aumento do crimena sua cidade. O artigo ativa sua crença de que você vive em um lugar completamente perigoso, o que contribui para que você se sinta ansioso quando pensa em sair de casa." (Wilson & Branch, p. 29).

 

"Comemore a complexidade. Todos os seres humanos – incluindo você – são únicos, multifacetados e em constante mudança. Rotular a si mesmo como um fracasso por causa de uma única falha é um formaextrema de generalizar. Da mesma forma, as outras pessoas são tão únicase complexas como você. Uma má ação não é a mesma coisa que ser uma pessoa má." (Wilson & Branch, p. 29).


8. Inflexibilidade

“Pensamentos e crenças que contêm palavras como “devo”,“deveria”, “preciso”, “é necessário”, “tenho” são frequentemente problemáticas porque são extremistas e rígidas.”  [...]A inflexibilidade do que você exige de si mesmo, do mundo que o cerca e dasoutras pessoas, com frequência significa que você não se adapta à realidade tanto quanto poderia. (Wilson & Branch, p. 30).



9. Desqualificação do Positivo

"Desqualificar o positivo é um mecanismo mental que transforma um episódiopositivo em um episódio neutro ou negativo. [...] Você acredita que você é inútil e incapaz de ser apreciado pelos outros. Você responde a uma promoção no trabalho pensando “Isso não conta, porque qualquer um poderia conseguir isso”. Resultado, ao invés de se sentir feliz, você acaba se sentindo desapontado” (Wilson & Branch, p. 32).



10. Baixa Tolerância à Frustração

“Baixa tolerância a frustração refere-se ao erro de supor que quando uma coisa parece ser difícil de ser tolerada, ela é intolerável. Este modo de pensarsignifica aumentar o desconforto e não tolerar o desconforto temporárioquando é do seu interesse fazê-lo em prol de algo que você almeja” (Wilson & Branch, p. 33).



11. Personalização.

A personalização é a tendência de achar que tudo o que acontece tem relação direta com você.


Explorando os Labirintos Mentais: Como Pensam Pessoas com Pensamentos Disfuncionais

Para ilustar o conceito, acompanhemos esta história fictícia:

S. era uma jovem mulher que estava enfrentando uma série de desafios em sua vida.

Ela estava lutando para encontrar um emprego, tinha acabado de passar por um término de relacionamento difícil e estava se sentindo muito sozinha e isolada. 

Ela não conseguia deixar de se culpar por todas as coisas que estavam dando errado em sua vida e estava presa em uma espiral de pensamentos negativos e autodepreciativos.

Foi nesse momento que S. decidiu procurar a ajuda de uma psicóloga chamada Maristela. 

Maristela era uma Psicóloga cognitivo-comportamental experiente, que ajudava as pessoas a identificar e desafiar seus pensamentos disfuncionais.

Quando S. se encontrou com Maristela pela primeira vez, ela estava nervosa e incerta sobre o que esperar. 

Mas, à medida que conversavam, S. começou a se sentir mais à vontade e confiante em compartilhar seus pensamentos e emoções.

Maristela começou a ajudar S. a identificar seus pensamentos disfuncionais. 

Ela apontou como S. frequentemente se culpava por coisas que estavam fora de seu controle e como ela tinha uma tendência a generalizar experiências negativas como sendo verdadeiras para todos os aspectos de sua vida.

Com o tempo, Maristela ajudou S. a desafiar seus pensamentos disfuncionais. 

Ela ajudou S. a ver que a autocrítica constante não estava ajudando a mudar sua situação e que, em vez disso, estava apenas aumentando sua tristeza e desesperança.

S. começou a praticar a substituição de seus pensamentos disfuncionais por pensamentos mais realistas e adaptativos. 

Ela também desenvolveu habilidades para lidar com suas emoções negativas, como praticar a atenção plena e fazer exercícios físicos.

Com a ajuda de Maristela, S. começou a se sentir mais positiva e esperançosa em relação ao seu futuro. 

Ela conseguiu encontrar um emprego que realmente gostava e começou a se conectar mais com sua família e amigos.

Em última análise, a história de S. é uma história sobre como a identificação e a superação de pensamentos disfuncionais podem ajudar as pessoas a superar desafios e encontrar mais felicidade e realização em suas vidas.


Como a TCC pode ajudar a Identificar e tratar Pensamentos Disfuncionais:


A TCC envolve ajudar a pessoa a identificar e desafiar seus pensamentos disfuncionais, substituindo-os por pensamentos mais realistas e adaptativos. 

Além disso, a TCC também pode envolver o desenvolvimento de habilidades para lidar com emoções negativas e para mudar comportamentos problemáticos.


Pensamentos disfuncionais - Conclusão

Em resumo, os pensamentos disfuncionais são padrões de pensamento distorcidos que podem levar a emoções negativas e comportamentos problemáticos. A TCC é uma abordagem de tratamento eficaz para ajudar as pessoas a lidar com esses padrões de pensamento e desenvolver habilidades para lidar com emoções negativas e comportamentos problemáticos.

Referências:

Este artigo  que tratada de Como a Terapia Cognitivo Comportamental ajuda a compreender os Pensamentos disfuncionais, as crenças centrais e favorece a reeducação Psicológica, foi elaborado tendo como base a obra: 


Wilson, Rob;  Branch, Rhena. Terapia Cognitivo Comportamental para leigos. Rio de Janeiro. AltaBooks. 2011.


Que eu recomendo a leitura, para todos aqueles que querem começar a fazerTerapia Cognitivo Comportmental, ou simplesmente, conhecer um pouco mais sobre a nossa Abordagens.

Psicóloga Sp, Psicóloga, Psicóloga perto de mim, Psicóloga consulta

Obrigada pela leitura. 

Gostou do artigo? Leia mais no Blog da Psicóloga






Perto do Metrô Consolação
Bela Vista - São Paulo - SP
Brasil - CEP 01311-931

Horários de Funcionamento do Consultório

07:00 - 21:00 (segunda a sexta)
07:00 - 16:00 (sábados)

Contato:

Os agendamentos de consultas psicológicas devem ser feitos pelo site (clique no botão abaixo), ou pelo whatsapp (11) 95091-1931

Leia também

Postagens mais visitadas deste blog

A dificuldade em mostrar sentimento - Psicóloga SP

Artigo escrito por Psicologa sp     Maristela Vallim Botari   - CRP/SP 06-121677. Psicóloga Clínica. Porque algumas pessoas têm dificuldade em mostar sentimento?  Vou contar uma história sobre um personagem fictício chamado L., que tinha dificuldade em demonstrar seus sentimentos.  Desde a infância, L. sempre foi muito introvertido e retraído, tendo dificuldades em se conectar emocionalmente com as pessoas ao seu redor. Ele era um bom aluno na escola e se dedicava aos estudos, mas nunca se destacava nos esportes ou nas atividades sociais. Quando L. começou a trabalhar, percebeu que tinha ainda mais dificuldades em demonstrar seus sentimentos.  Se fechava em si mesmo e evitava o contato com os colegas de trabalho, muitas vezes sendo visto como antipático e arrogante.  Ele até tentou se aproximar de algumas pessoas, mas sempre que tentava expressar seus sentimentos , ele se sentia inseguro e se r

As 05 fases do luto afetivo | Psicologa sp

Psicóloga sp    Maristela Vallim Botari As 5 fases do luto:  Negação, raiva, barganha, depressão e aceitação. As propostas apresentadas por Elisabeth Kübler-Ross em seu livro Elisabeth Kübler-Ross   (Bióloga que estuda as relações afetivas). "Sobre a Morte e o Morrer", publicado em 1969, são consideradas fundamentais para a compreensão dos diferentes estágios que as pessoas atravessam ao lidar com a perda e o processo de luto. Suas ideias revolucionaram a maneira como a sociedade encara o tema da morte e oferecem insights valiosos sobre a experiência humana diante da perda de entes queridos. Ilustrando com uma história Fictícia: Há alguns anos, J e P namoravam há cinco anos e planejavam se casar em breve. No entanto, um dia P acabou o relacionamento de forma abrupta, de

Quanto custa um Psicólogo

Para quem busca informações sobre  quanto custa um psicologo . Neste artigo são apresentados os preços da  consulta com a  Psicóloga sp   Maristela Vallim Botari A  Psicologia  tem muito a oferecer, independente do q uanto custa um Psicólogo. Psicóloga preço sp,  psicóloga preço, quanto custa um psicólogo Quanto custa uma consulta com a Psicóloga sp  CRP-SP 06-121677   A 1ª sessão com a Psicóloga SP R$ 98,00 Psicoterapia  Individual para adultos R$ 109,00 Consulta avulsa -  R$ 75,00 Psicologa   Infantil  (+10 anos) R$ 109,00 Psicoterapia  Casal R$ 218,00 Terapia para Idosos R$ 109,00 Psicologa   Infantil  (+10 anos) R$ 109,00 Formas de pagamento: Pix, boleto, ou cartōes de débito ou crédito parcelado, tranferências Bancárias. Se optar por fazer seu agendamento pel o site , terá a opção de realizar seu pagamento na mesma plataforma. Caso prefira fazer o agendamento via WhatsApp (11) 95091-1931, poderá pagar com cartão, no consultório (Psicoterapia presencial), ou PIX (psicoterapia O

Psicologa SP - Acolhimento Humanizado perto de você

Psicologa SP - Maristela V. Botari CRP-SP 06-121677



O objetivo do atendimento psicológico é promover a saúde mental e emocional, reduzindo o sofrimento causado pela ansiedade, depressão e estresse.

Experiência profissional

A Psicóloga SP Maristela, com mais de 12 anos de atendimento em Psicologia Clínica, oferecendo atendimento humanizado, garantindo excelencia e comprometimento ético, visando o bem-estar dos pacientes. 

Isto é apenas um reflexo de sua paixão pela Psicologia e desenvolvimento humano.

Ao longo dos anos, ela atende com abordagens quem ajudam as pessoas a enfrentarem desafios e dificuldades e alcançarem seu potencial máximo.

A prática do atendimento psicológico abrange diversas abordagens terapêuticas, incluindo a Terapia Cognitivo-Comportamental (TCC). 

Esta abordagem é uma das mais utilizadas por psicólogos devido à sua eficácia em tratar uma ampla gama de problemas emocionais e comportamentais. 


Psicologa sp, psicóloga SP, psicólogos em São Paulo, psicologo sp, psicólogo SP, psicóloga perto de mim, consulta com psicóloga, agendar consulta cm psicólogos, psicólogos em são Paulo, onde encontrar psicólogos Bradesco, convenio reembolso de consultas psicológicas, terapia casal sp, atendimento psicológico online, atendimento online, psicólogo apoio, psicológico online, site de psicologia online, psicologa zona norte sp, melhores psicólogos de sp, consulta com psicóloga online, neuropsicologo online, psicólogo online preço, psicologo online whatsapp, onde encontrar psicóloga acessível, psicóloga barata, psicóloga grátis, preço acessível de terapia

Formação Acadêmica

A formação acadêmica da Psicologa SP Maristela Vallim Botari inclui renomadas universidades como PUC, Mackenzie, UNIP, USP e UFAC. 

Durante sua trajetória acadêmica, estudou de diversas áreas da psicologia, incluindo Neurociências, Psicologia Escolar, Psicologia do Trabalho, Terapia Cognitivo-Comportamental (TCC), Psicanálise e Humanismo.

Essa diversidade permite à Psicóloga sp Maristela uma abordagem integrativa e personalizada em seu trabalho como psicologa clinica.



Psicologa sp, Psicologa sp, psicóloga SP, psicólogos em São Paulo, psicologo sp, psicólogo SP, psicóloga perto de mim, consulta com psicóloga, agendar consulta cm psicólogos, psicólogos em são Paulo, onde encontrar psicólogos Bradesco, convenio reembolso de consultas psicológicas, terapia casal sp, atendimento psicológico online, atendimento online, psicólogo apoio, psicológico online, site de psicologia online, psicologa zona norte sp, melhores psicólogos de sp, consulta com psicóloga online, neuropsicologo online, psicólogo online preço, psicologo online whatsapp, onde encontrar psicóloga acessível, psicóloga barata, psicóloga grátis, preço acessível de terapia


Quem pode passar na consulta Psicológica?

Quem passa por momentos difíceis, sentindo-se incompreendido, desamparado(a) e isolado(a).

Público: Acima de 10 anos, com ou sem encaminhamento médico.

Psicóloga SP oferece um atendimento personalizado para cada paciente.

A consulta com psicologa online é uma modalidade que tem ganhado cada vez mais popularidade.

Atualmente, milhares de pessoas recebem atendimento online, beneficiando-se da conveniência e acessibilidade que essa forma de terapia oferece. 

Desde março de 2020, a Psicóloga Sp Maristela atendeu mais de 1.200 pacientes online. E este número não para de crescer. 

A consulta com psicologa individual e o acompanhamento psicológico realizados de forma virtual permitem que as sessões de terapia sejam acessíveis mesmo para aqueles que possuem restrições de tempo ou mobilidade. 

Além da terapia individual, a terapia de casal é outra modalidade importante. 
Nesses casos, o foco está em melhorar a comunicação e resolver conflitos dentro do relacionamento.

A Psicóloga SP atende pacientes em seu consultório localizado na Av. Paulista, 2001 cj 1911- Bela Vista Perto do Metrô Consolação,  

Além disso, para aqueles que não estão perto da Av. Paulista, também oferece a opção de realizar uma consulta individual com a psicologa online.

Todas com horário agendado.

Consulta Psicóloga Valor


O preço sessão de terapia é diferente para casal e infantil mas é o mesmo valor para terapia online ou presencial.

A consulta individual inicial custa R$ 99,00

Psicologa sp Humanizada

A consulta com psicologa sp humanizada pode ser uma alternativa valiosa para aqueles que buscam um atendimento mais coloquial, sem perder a qualidade técnica/teórica.

Embora muitas pessoas possam confundir com um bate-papo casual, na verdade, a Psicóloga sp se concentra em compreender as emoções embutidas na fala e no olhar do paciente.

A prática da psicologia, seja presencial ou online, busca oferecer suporte emocional e psicológico, ajudando os pacientes a enfrentar desafios e alcançar seu potencial máximo. 

Psicóloga SP Maristela Vallim Botari está preparada para oferecer esse suporte, promovendo o bem-estar e o desenvolvimento humano em cada sessão de terapia.


O Conselho Federal de Psicologia regulamenta a prática da profissão e estabelece diretrizes para garantir que o atendimento psicológico seja realizado de maneira ética e eficaz. 

Em breve você poderá receber nossa newsletter semanal, que oferece dicas, informações e atualizações deste site de Psicologia que trata de temas que vão além da Psicoterapia, como dificuldade de relacionamentos, autoestima, luto, etc




Psicóloga perto de mim, saude é,psicologa preço sessão, sessão de terapia valor, psicologa, psicóloga preço sessão, psicologa vila mariana, psicologos perto de mim, psicólogo em são paulo