Traição: como lidar.

Traição: como lidar.
Traição: como lidar.
Traição ou infidelidade significa a ruptura de compromissos, que pode se dar em vários níveis: afetivos, profissionais, familiares, etc.


Neste tópico, vou tratar sobre a traição relacionada aos relacionamentos afetivos, que aflige muitas pessoas.

 O que é considerado Traição?


Imaginemos um relacionamento que está indo "de vento em popa". O parceiro ( ou a parceira) é afável, pontual, carinhoso, envolvente, etc.. Mas um dia, eis que que você descobre uma traição.

Reação natural: perplexidade diante da traição

Realmente, é desesperador. É como se o mundo parasse ou (no relato de algumas pessoas) como se "o chão se abrisse".

Diante desta situação inesperada, o sentimento mais comum é a raiva. Algumas pessoas podem ter vontade de tomar uma atitude na hora, outras preferem não acreditar (negação).

 Como lidar emocionalmente com a Traição


Nenhuma das duas atitudes é recomendável, uma vez que a raiva pode levar os indivíduos a cometerem atos graves, que poderão lhes colocar em situações comprometedoras. A negação, por sua vez tende a camuflar o sentimento de raiva que poderá (eventualmente) se transformar em doenças psicossomáticas, manisfestadas por meio de dores de cabeça, desânimo, apatia etc.

Não existem fórmula pronta para lidar com esta situação. Cada caso deve ser avaliado separadamente, pois somos todos diferentes.


Evite a todo custo


  • a condição de menos-valia - "se ele me trai é porque eu não tenho valor"
  • escândalos - "vou acabar com a reputação dele"
Estes pontos não acrescentam nada e desfavorecem o entendimento da situação.

O ideal é tentar se acalmar, e

  • tentar conversar abertamente ("sim, eu vi a traição acontecer!");
  • pedir explicações sinceras ("o que te levou a fazer isso?"); 
  • se for o caso terminar a relação de forma tranquila ("perdi a confiança em você e vai ser difícil recuperá-la");
  • ou fazer um pacto de reconciliação, exigindo que os problemas do casal sejam colocados de forma aberta, franca; que haja mais diálogo e mais entendimento; mais concessões de ambos os lados. Se possível buscar uma terapia de casal.
Este tipo de traição deixa marcar por muito tempo. A Psicoterapia é aconselhável para ajudar no resgate da autoestima, agregando condições de enfrentamento para recomeçar.








S você ou alguém que você conhece está passando por um problema parecido, saiba que a Psicoterapia (realizada por psicólogos credenciados pode ajudar bastante na compreensão de problemas emocionais como este. A Terapia serve para que as pessoas tenham ajuda emocional, apoio psicológico para lidar com problemas da vida em geral. 

Quem pode se beneficiar da Psicoterapia: pessoas em geral, não necessariamente pessoas com transtornos mentais,


Convido você a vir conhecer meu trabalho, ou indicar a quem precisa. Meu objetivo como Psicologa e Psicoterapeuta é ajudar as pessoas a entenderem melhor a si mesmas, colaborando para que tenham qualidade de vida afetiva e emocional.

Meu consultório de Psicologia fica na Vila Mariana, Zona Sul de SP

Agendamento :
Whatsapp (11) 9-9984-9910
Email: psicologamaris@gmail.com
1ª consulta psicológica Gratuita
Escolha seu horário aqui



Rua Domingos de Moraes, 770
Bloco 01 - Sala 05 - Sobreloja
Metrô Ana Rosa (2 minutos a pé)

Psicóloga - Vila Mariana - Zona Sul de SP.


Horário de atendimento:
Seg-sex: 7:00-a 23:00
Sábado: 7:00 - 21:00




Postagens mais visitadas deste blog

O que tratar com uma Psicóloga? ❖Psicóloga São Paulo sp

A dificuldade de relacionamento

A rejeição ❖Psicóloga Sp, São Paulo, Vila Mariana.

A dificuldade em mostrar sentimento

O que é depressão e como tratar?

Não assuma uma culpa que não é sua

"Cadê minha alma gêmea?" - A busca pelo relacionamento perfeito

Preço Acessível | para Reembolso

Psicólogo que atende Bradesco Saúde por reembolso de consultas

Pessoas com dificuldade de relacionamento

Postagens mais visitadas deste blog

Psicóloga que atende convênio Bradesco

A dificuldade em mostrar sentimento

Como lidar com o rompimento de uma relação afetiva

Mecanismos de defesa nas relações afetivas

Será que você é amado (a) de verdade?

A necessidade de aceitação na Psicologia

05 fases do luto afetivo

Relações afetivas adoecidas: como lidar com relacionamentos difíceis.

07 sinais de amor patológico ❖Psicóloga sp

A blindagem contra apego na psicologia