Amores de alto risco: Uma leitura resumida sobre o livro do Walter Riso




Para ele ou ela, não importa a sua boa conduta nem as demonstrações de amor, você sempre estará na lista negra dos inimigos potenciais; tudo o que você fizer sempre esconderá uma “segunda intenção”. A premissa do paranoico-vigilante é desumanizadora: “As pessoas são más e, se baixarmos a guarda, nos machucam”, incluindo a família. Ser receoso e contra-atacar é a sua melhor forma de sobreviver num mundo percebido como hostil e explorador. O amor desconfiado coloca o outro sob suspeita e o obriga a apresentar provas que demonstrem a sua fidelidade e lealdade. Mas o amor e a desconfiança não são compatíveis, não importa quantos “certificados” sejam apresentados. Não se encaixam sob o mesmo teto. (Walter Riso, p. 34)
Relacionamento com Narcisistas

"Se você é casado com um narcisista, deve sentir-se como um satélite afetivo. O ego funciona como um astro-rei ou uma estrela fulgurante nas relações interpessoais: ocupa a posição central, cega e, se você se aproximar demais, vai pulverizá-lo. As pessoas narcisistas se consideram especiais, únicas, grandiosas e imbuídas de um toque quase celestial, enquanto veem os demais como inferiores, vassalos ou simples partidários." (Wlater Riso p. 71)

Comentários

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Postagens mais visitadas deste blog

A dificuldade em mostrar sentimento

O que é a dificuldade de relacionamento?

Psicóloga que atende convênio Bradesco

Diferença entre: atração, desejo, paixão e amor.

Preço | Reembolso |Terapia

09 dicas de psicólogos para identificar relacionamentos abusivos

A síndrome do Super-Herói

A ♥ romantização do trabalho

Carência afetiva: o que é e como lidar?

Emoções ruins são contagiosas. Entenda o motivo.