SEX and THE CITY - uma correlação com a mulher moderna

Sex and The city (SATC) foi um seriado (1998-2004) que virou filme. Para saber mais sobre clique aqui.


Psicologo Bradesco, Psicologo Amil, Psicologo Sulamérica, Psicologa Bradesco, Psicologa Amil, Psicologa Sulamérica, Psicologa Allianz, Psicologa Barata, Psicologa Experiente,  tratamento ansiedade, depressão, dificuldade de relacionamento, psicologo consulta , psicologia online, terapia matrimonial, psicologo online, psicologia consulta, psicologia on line, psicoterapia online, psicoterapia infantil, terapia para casal, paginas de psicologia, sites de psicologia, psicologia virtual, psicologo sp, site psicologia, terapia psicologica online, psicologia sp, psicologo barato, clinicas de psicologia em sp, psicologos em sp, psicoterapia de casal, psicologos sao paulo, site psicologo, aconselhamento de casal, consulta psicológica online, psicologo zona sul
Vinte anos depois, ainda existe um pouco de cada uma das personagens na mulher moderna:

Carrie Bradshaw -  É a narradora do seriado que vive "um dia de cada vez". Trabalha como colunista free lancer em um jornal de Ny. Não pensa muito em seu futuro profissional, mas sim, em viver um grande amor com o personagem Big. Gosta de roupas e sapatos, especialmente da marca Manolo Blahniks, gastando quase tudo o que ganha para adquirir os modelitos. Adora festas badaladas.Emocionalmente, é uma figura que retrata a mulher neurótica, embora seja bem intencionada. Durante os episódios da temporada, não consegue se libertar da paixão que sente por Big, que por sua vez, não a leva muito a sério, fazendo com que sofra por um amor difícil de conquistar.
Quando conhece Aidan, consegue viver por um tempo as doçuras de um amor tranquilo, até o momento em que a relação vai ficando mais séria e sua inquietude começa a aparecer, levando-a a sabotar o relacionamento. Depois de alguns relacionamentos de curta duração ("ficadas"), conhece um novo amor: o artista plástico Petrovich, que a leva a morar em Paris. Porém o Narcisismo do artista esbarra no orgulho de Carrie, fazendo-a sentir-se só dentro da relação.

Assim como Carrie, algumas mulheres querem o "homem impossível", e  trocam relações estáveis por amores fugazes, como se, lá no íntimo existisse um secreto desejo de transformar esse homem inatingível em um ser submisso e dócil. Seria como viver o mito da heroína.
E algumas mulheres ainda trocam seu futuro profissional, seu desenvolvimento intelectual, por pares de sapatos e bolsas caríssimas, vivendo "um dia de cada vez", à espera de um milagre.


Charlotte York - Creio que seja a personagem mais distante da mulher moderna, pois sonha com o casamento perfeito, casa bonita, marido, filhos, vida familiar, chegando ao ponto de largar seu trabalho para se dedicar à vida de casada. Suas falas refletem um caráter conservador, embora não seja preconceituosa ao extremo. 

O que encontramos de Charlotte refletido na mulher moderna é o sonho (que algumas nutrem) de ter uma vida familiar de qualidade. Não há nada de errado neste sonho, porém, não devemos abrir mão da nossa carreira para vivenciar o casamento.

Miranda Hobbes - É a mulher que vive para o trabalho, colocando em segundo plano, sua vida pessoal, afetiva, familiar e social. Apesar de viver uma relação de idas-e-vindas com Steven, e posteriormente tendo um filho com ele, prossegue colocando o trabalho à frente de tudo. No exercício de sua profissão como advogada, sofre algumas vezes com a atitude de machismo de seus gestores (vide SATC2, o filme)

Penso que Miranda seja a mulher mais próxima da mulher moderna, que muitas vezes  é obrigada a colocar seus planos pessoais de lado para lutar pela sobrevivência. Muitas mulheres no mercado de trabalho ganham menos que os homens, trabalham igual, e tem uma jornada quádrupla (trabalha, estuda, cuida da casa e dos filhos). E como se isto não fosse suficiente, a sociedade ainda nos cobra uma postura mais delicada (mulher que fala o que pensa é taxada de "louca"), e uma bela e jovial aparência. Isto seria mais que suficiente para explicar as neuroses da mulher moderna....


Samantha Jones - Representa o lado "livre, leve e solta" das quatro amigas. É a mais velha de todas, e tem verdadeiro horror a compromissos afetivos.  Aprecia uma boa relação sexual, de preferência sem qualquer envolvimento afetivo. Quando se envolve afetivamente, vive a relação de maneira desconfortável. Não gosta de sentir ciúmes, desconfianças e sofrer vigilância do parceiro.

O que ela vem nos mostrar é que podemos sim, fazer sexo sem compromisso afetivo ou efetivo, que podemos (e devemos) ser nós mesmas, em todas as circunstâncias, especialmente no que diz respeito a vida afetiva. 

Psicologo Bradesco, Psicologo Amil, Psicologo Sulamérica, Psicologa Bradesco, Psicologa Amil, Psicologa Sulamérica, Psicologa Allianz, Psicologa Barata, Psicologa Experiente,  tratamento ansiedade, depressão, dificuldade de relacionamento, psicologo consulta , psicologia online, terapia matrimonial, psicologo online, psicologia consulta, psicologia on line, psicoterapia online, psicoterapia infantil, terapia para casal, paginas de psicologia, sites de psicologia, psicologia virtual, psicologo sp, site psicologia, terapia psicologica online, psicologia sp, psicologo barato, clinicas de psicologia em sp, psicologos em sp, psicoterapia de casal, psicologos sao paulo, site psicologo, aconselhamento de casal, consulta psicológica online, psicologo zona sul

Creio que há, em cada uma de nós um pouquinho de Carrie, Samantha, Charlotte e Miranda. E também há uma parte de nós que se opõe ao "modus vivendi" das personagens. 
A lição que fica é que devemos sempre ser nós mesmas, dar ouvidos as nossas emoções, abrir nosso coração, compreender que a dor e o sofrimento fazem parte da nossa vida, mas temos mecanismos para lidar com isso, em qualquer circunstâncias.



Sex and the City











Psicólogo ou Psicóloga, Psicoterapia, Bradesco, Amil, Sulamérica

PSICÓLOGO OU PSICÓLOGA , PSICOTERAPIA  Se chegou aqui,certamente busca uma   Clínica de Psicologia que oferece    PSICOTER...

Psicóloga, São Paulo

Se chegou aqui, certamente busca uma psicóloga, psicólogo, psicoterapia, apoio emocional, ajuda psicológica, ou tratamento para sua ansiedade, depressão, estresse ou dificuldade de relacionamento.
Se este não for o caso, talvés a leitura de alguns artigos lhe seja útil.

Podemos agendar uma consulta psicológica gratuita para que você venha conhecer meu trabalho, minha missão, visão e valores.

Clique aqui para agendar uma Consulta Psicológica Gratuita
Quando buscar Terapia?

Exceto quando houver indicação de um médico ou psiquiatra, não existe UM momento adequado. Geralmente as pessoas buscam ajuda do psicólogo, ou psicóloga quando:

Sentem-seincompreendidos;



  • Psicologia Vila Mariana
  • Psicóloga Vila Mariana
  • Psicólogo Ana Rosa
  • Psicóloga Ana Rosa
  • Psicologia SP
  • Psicólogo SP
  • Psicóloga SP
  • Psicólogo em SP
  • Consultório de Psicologia Vila Mariana
  • Consultório de Psicologia em SP
  • Clínica de Psicologia Ana Rosa
  • Clínica de Psicologia Vila Mariana
  • Clínica de Psicologia Zona Sul
  • Psicólogo Zona Sul SP
  • Psicologa, Psicologa Bradesco,
    Psicólogo,
    Terapia de casal,
    Psicoterapia,
    Psicologa São Paulo,
    Psicóloga Vila Mariana,
  • Psicólogo Vila Mariana
  • Psicólogo São Paulo
  • Bradesco, Amil, sulamérica.
  • Bradesco, Amil, sulamérica.
  • Psicologo Bradesco,
  • Psicologo Amil,
  • Psicologo sulamérica.
  • Psicologa Amil,
  • Psicologa sulamérica.