11 passos para identificar relacionamentos abusivos

Confira aqui os 11 passos para identificar relacionamentos abusivos, afinal a maioria das pessoas que vive este tipo de relação,  não sabem ou não percebem quão abusiva ela é.

Quase todas as pessoas idealizam um relacionamento saudável, que seja minimamente equilibrado e com o mínimo de estresse possível.


Em alguns casos a "balança  afetiva" despenca de um lado, o que gera desconforto na relação deixando a todos em estado de estresse.
Você sabe identificar Relacionamentos abusivos?
É normal que uma das partes "se doe" um pouco mais em alguns momentos, e vice-versa; que em alguns casos, uma das partes esteja passando por momentos difíceis fora do contexto afetivo e acabe levando o estresse para dentro da relação. Espera-se que estes momentos sejam poucos e passageiros.


Porém, quando um dos dois passa a se doar sem ter retorno, por mais tempo do que deveria, é hora de rever a forma como a relação é conduzida. Fique atento(a). Você pode estar em um relacionamento abusivo.

Como identificar Relacionamentos abusivos

     

1. Agressão física. Nada justifica que alguém sofra agressões físicas. Existes outras formas de lidar com os problemas do casal;
2. Abuso moral: ninguém tem o direito de te diminuir humilhar ou abusar moralmente de você. Saiba mais sobre assédio moral 
3. Mentiras constantes: mesmo que sejam "mentiras ingênuas, a mentira nunca é uma boa opção;
4. Assumir a culpa por algo que claramente não é culpa sua;
5. Ser vítima de traições constantes;
6. Quando a outro (a) abusa financeiramente de você, sem que haja desculpa plausível para isso;
7. Quando o outro te faz esperar muito tempo e isto ocorre com muita frequência;
8. Quando o outro (a) pede favores difíceis ou impossíveis, que vão exigir grandes sacrifícios;
9. Quando o outros (a) faz acusações infundadas de ciúmes;
10. Quando o outro (a) exige que você se afaste das pessoas;ou que abandone empregos, cursos etc.;
11. Quando o outro exige que você mostre mensagens de Whatsapp, email,ou redes sociais, etc.;




A Psicoterapia pode ajudar a identificar relacionamentos abusivos, levando o paciente a adotar uma postura mais assertiva perante os que cometem abusos.

O Objetivo da Psicototerapia é prestar acolhimento psicológico para TODOS!
(#psicologa #cognitivo #comportamental) e aprender a se conhecer mais, para desenvolver habilidades novas.


Psicoterapia
Preço acessível
(pessoas de baixa renda, desempregadas, idosos e outras condições especiais a serem conversadas)

Especialidade:
Tratamento Ansiedade, Depressão, estresse no trabalho, relacionamentos conturbados, dificuldade de relacionamento.


Psicoterapia ensina o paciente a lidar com sentimento de culpa, manter um relacionamento feliz, carência afetiva, dependência emocional, desmotivação, estresse, dificuldade de comunicação, dificuldade de demonstrar afeto, dificuldade de expressar sentimentos. 

Ajuda emocional, Orientações e aconselhamentos. 







*Psicólogo Online**depressão**ansiedade**Psicologo Bradesco SAÚDE *,*Psicologo Amil*,*Psicologo Sulamérica*,*Psicologa Bradesco Saúde*,*Psicologa Amil*,*Psicologa INTERMÉDICA*,*Psicologa Allianz*,*Psicologo Vila Mariana**Terapia de casal bradesco sp*
  

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Carência afetiva: o que é e como lidar?

O normal e o patológico

A dificuldade em mostrar sentimento

Pessoas românticas

O que é Inveja e como se manifesta

Como lidar com o rompimento de uma relação afetiva

Devemos nos importar com o que pensam a nosso respeito?

Psicóloga em SP

Amor Idealizado: Será que você é amado (a) de verdade?

Terapia de Casal: