Ajuda Emocional

Ajuda Emocional

Ajuda emocional

As vezes, a vida está florida, como um lindo campo de primavera, mas no momento seguinte, algumas nuvens surgem no céu....o tempo vira... vem a tempestade....

Olhando para um lado, para outro... não encontramos abrigo.
Perdido na chuva, você as nos angustiamos,  pois não temos forças para enfrentar a tempestade, nem mesmo a certeza que ela um dia passará.

Nestes momentos angustiantes, talvez fosse reconfortante ter alguém por perto, para oferecer abrigo, ou correr junto debaixo da chuva.


Viver bem é saber compartilhar. É compartilhar sorrisos, alegrias, afetos, bens materiais.. mas também é saber pedir ajuda. É dar-se ao luxo de contar com o outro.

Mas nem sempre o outro está disponível para ajudar. os outros também tem lá suas preocupações, suas demandas, seus sofrimentos. E com receio de nos tornarmos pesados, percorremos dois caminhos possíveis: ou caímos na tristeza (que mais tarde pode evoluir até se tornar uma depressão), ou partimos para a agressividade, que pode nos tornar Personas non gratas.

Quando chegamos neste ponto da existência, é útil refletir sobre nossos comportamentos e atitude, perceber o que pode ser "jogado na lixeira da vida", o que pode ser reciclado, o que precisa ser preservado, qual a utilidade deste ou daquele comportamento.

Estas reflexões não são fáceis. As vezes são doloridas.

Se você achar que deve.... procure um psicólogo. Ele poderá te ajudar a repensar sobre a própria vida, e "oferecer um guarda-chuva" para que você atravesse a tempestade, até que os dias voltem a ser ensolarados.

Lembre-se: viver bem é saber compartilhar. 

P, Psicologa

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Carência afetiva: o que é e como lidar?

O normal e o patológico

A dificuldade em mostrar sentimento

Pessoas românticas

O que é Inveja e como se manifesta

Psicóloga em SP

Devemos nos importar com o que pensam a nosso respeito?

Como lidar com o rompimento de uma relação afetiva

Preço Acessível | Preço Especial para Reembolso

A síndrome do Super-Herói